Projeto “Capacitar para Dirigir” 2012

Privado: Projetos
Projeto Capacitar para Dirigir

Projeto co-financiado pelo Programa de Financiamento a Projetos pelo INR, I.P.

A capacitação dos quadros técnicos das organizações sociais é uma constante preocupação de todas as organizações sociais que pretendem ir de encontro com a satisfação plena das pessoas por si atendidas, bem como a sustentabilidade e diferenciação positiva da sua organização por parte das entidades financiadoras e parceiras. Outra preocupação das organizações é o conhecimento pleno das atuais realidades sociais, económicas e políticas para se adaptarem às necessidades sentidas pelas populações por si atendidas.

Qualquer organização social, independentemente da missão que tenha estabelecido, tem hoje responsabilidades acrescidas de sustentabilidade e qualidade na prestação de serviços.

Devido a esta necessidade de mudança e atualização permanente, em 2012 a AFID levou a cabo mais uma iniciativa de formação denominada “Capacitar para Dirigir”, financiada pelo INR – Instituto Nacional para a Reabilitação, integrando diversas organizações. Inicialmente estava previsto um curso com 15 formandos, mas devido à elevada procura, a AFID organizou dois cursos com uma média superior a 30 formandos cada, o que deu um total de 63 participantes.

Esta formação visou dotar os diferentes profissionais – dirigentes, gestores, técnicos, voluntários e consultores de organizações sociais-, de conhecimentos e competências que lhes permitam utilizar uma série de ferramentas facilitadoras para as áreas de gestão, liderança, comunicação e marketing. Esta formação permitiu também conhecer melhor todas estas realidades, bem como partilhar experiências, realidades e boas práticas entre as organizações participantes.

Esta formação teve como principais objetivos:

Os cursos foram divididos em 4 módulos, a saber:

A análise da satisfação por parte dos participantes do curso “Capacitar para Dirigir” permite-nos verificar quais os aspetos mais positivos, bem como os negativos, de modo a traçar novos objetivos e eliminar eventuais lacunas em eventos semelhantes.

Foram aplicados questionários de satisfação em todas as ações de formação, com o propósito de apurar a satisfação de todos os participantes. A avaliação dos questionários situava-se de 1 (cotação inferior) e 4 (cotação mais elevada).

Das 14 questões dos questionários podemos verificar, através do gráfico, que em média todas foram positivas e acima de 3.

A questão com a média mais elevada em ambos os cursos foi a que se prende com o domínio do assunto dos formadores: [3,82 – curso 1] e [3,79 – curso 2]. Quanto ao critério que menos agradou no curso 1 foi o relacionamento entre os participantes [3,47] e no curso 2 foi a estruturação do curso [3,42].

Devido ao excelente sucesso destes cursos, a AFID pretende levar a cabo, durante o ano de 2013, novas formações no âmbito da qualificação das organizações e dos seus profissionais.

[ 09 Mai 2019 ]
2019 © AFID

Esta página usa cookies  |  Termos Legais  |  Fundação AFID